domingo, 15 de março de 2015

A arte de fazer uma mulher feliz

Quero, neste dia internacional da mulher, prestar a minha homenagem a todas as mulheres  de uma maneira um tanto diferente, não me dirigindo a elas, mas aos homens que com elas se relacionam, especialmente, os maridos, namorados, companheiros. Eis aqui algumas dicas para ajudar você na construção da felicidade da mulher que você ama. Mas lembre-se, o que escrevo aqui não são regras, são apenas dicas que podem ser acrescentadas pelas experiências positivas ou não que lhe propiciou aprendizado sobre o assunto. Por isso, toda contribuição adicional será bem vinda. O que se segue é apenas o início de uma experiência que pode ser complementada coletivamente.
1.       Nunca seja indiferente a sua mulher, observe a roupa que ela está usando, os brincos, a maquiagem, tudo... e se ela pedir a sua opinião seja sincero, mas não seja desanimador, afinal ela quer a sua parceria;
2.       Ela está bem vestida e você gostou, então elogie, diga coisas tipo – “esta roupa ficou muito bem em você”, - “gostei desta jóia, ela realça com esta roupa”. Imagine se esta conversa acontece logo na primeira hora da manhã, antes da saída para o trabalho, creia, a sua guerreira se sentirá pronta para luta;
3.       Jamais se esqueça de perguntar, no final do dia, como foi o dia de luta dela. Para ela isto é muito significativo e, afinal, não custa nada perguntar – como foi o seu dia hoje? Não só se importe com a vida da sua mulher, faça que ela perceba isso, porque isso é fundamental. Ame-a e externe o seu amor por ela, mas, cuidado, não banalize isto para não cair no descrédito;
4.       Mulheres gostam de boas surpresas, crie momentos inusitados de prazer a dois. Saiam para dançar, estiquem a noite e no final faça com que ela nunca se esqueça desse momento, porque esse será um momento único;
5.       Nunca esqueça que sua mulher tem olhos, a luz que ilumina a alma de uma mulher, brota dos seus olhos. É muitíssimo importante fazer os olhos do seu amor brilhar, por isso, crie o hábito de presentear ela. Mas, lembre-se, presente não é recompensa, perdão, ou pedido de desculpas. Não vale aprontar e depois dar um presente só para se limpar com ela. Nada disso, dissocie o ato de presentear desses momentos indesejados. Outra coisa, presente não substitui a atenção, mas é um complemento desta. Toda mulher deseja, antes de qualquer coisa ou presente, que o homem lhe observe como mulherrrrrrrrrr. Ah, se você puder, dê joias, mesmo que ela minta que não gosta;
6.       Nunca se esqueça, um casal precisa de momentos seu, somente seu. Nesses momentos, sempre pintam uma DR (discussão sobre o relacionamento). Seja inteligente, não deixe que momentos como esses virem briga, pois eles não são feitos para brigas, mas para acabar com elas. Um bom vinho, duas taças, queijos que vocês gostem, dão um toque mais harmonioso ao momento. Se não são amantes do vinho, sirvam aquela bebida que vocês gostam, com o tira gosto que vocês apreciam, o importante é fazer desses, um feliz momento a dois. Acredito que é prescindível dizer como eles devem terminar...;
7.       Não há relacionamento que resista à monotonia. O casal constitui a liderança da família, mas aqui, eu me dirijo apenas ao homem que deseja ver a sua mulher feliz. Então preste atenção, você tem também o papel de líder e, como tal, você tem o dever de motivar a relação. Na verdade, no mundo hodierno, este papel é dos dois já que hoje o homem e mulher compartilham tudo. Mas, neste momento, eu me dirijo somente ao homem: - cara, você é responsável pela motivação da relação. Não se esqueça disso, e mais, não crie desculpas para deixar de cumprir a seu papel de líder, crie momentos que quebrem a monotonia e fortaleça a sua relação.
8.       Cuidado, confiança demais pode ser interpretada por ela como indiferença. Vivo a repetir para os meus filhos que a minha primeira mulher me deixou uma inesquecível lição, ela sempre me mostrava como eu era importante para os meus filhos, fazendo com que eu participasse tanto quanto ela da vida deles. Sempre que eu telefonava para ela quando estava em viagem e perguntava pelas crianças, ela respondia que eles estavam bem, mas sentiam muito a falta do pai, e que ela era apenas a mãe. Já a minha mulher atual, sempre que somos convidados para algum evento, toda vez que eu pergunto a ela – você vai? Ela responde, - nós vamos, eu não casei para andar por aí sozinha. Meu caro, se a sua mulher começa a se ver muito só nas festas ou nas reuniões da família, em aniversários de amigos, nas festas da escola das crianças, ou em momentos de doenças, ela vai perceber que você é mais prescindível do que ela pensou um dia. Um dia ela vai se olhar no espelho e dizer a si mesma, - eu posso viver sem ele. Por isso, meu caro, mesmo que você saiba que ela é capaz de fazer bem sozinha determinadas missões, isto não significa que ela prescinda da sua parceria. Creia, você é o parceiro que ela escolheu, por isso, ela conta com a sua parceria em todos os momentos. Nunca deixe que ela se sinta só, principalmente, nos momentos de doença. Mostre-se sempre do lado dela, faça com que ela se sinta segura mesmo nos momentos de insegurança;
9.       Numa relação conjugal, homem e mulher tornam-se, ao mesmo tempo, sujeitos e produtos da relação. Jamais se esqueça disso. O que eu quero lhe dizer com isso? Há homens que se juntaram às suas mulheres quando nada eram e nada tinham. Pelo esforço mútuo, conjunto, conseguiram crescer economicamente e se sobressair socialmente, e, logo, o brilho dele chamou a atenção de outras mulheres, ele envaideceu-se e esqueceu da mulher que lhe deu forças para chegar aonde ele chegou, não suportou o voo das mariposas e se foi para sempre; quando olhou para trás não tinha mais jeito, foi-se o casamento, foi-se uma relação construída em anos e anos de esforços dos dois. E ele foi dar à outra o que nunca dera a aquela que lhe ajudou a ter as coisas que chamou a atenção da outra. Que ingratidão, que covardia, que trairagem... Amigo, cresceu com ela, usufruir com ela. Compreenda-se enquanto produto da relação veja que ela foi a pessoa que se interessou por você quando da era das vacas magras. Você chegou onde está graças a ajuda, ao apoio dela. Ela fez como o cultivador de ostras, foi capaz de ver a pérola no lodo, quando ninguém via o seu brilho. Enquanto a outra, só viu a pérola depois dela lapidada, tratada e devidamente exposta na joalheria... Assim é mais fácil, não é? Vamos combinar...;
Pare com essa de querer fazer feliz todas as mulheres do mundo, fazendo amor com todas elas, você não vai realizar a nenhuma e será percebido por todas como um produto descartável qualquer. Faça a sua mulher feliz, assim você fará também uma família feliz, e por tabela, as pessoas que amam vocês também ficarão felizes. E se você tiver filha ou filhas, imagine quanta felicidade você será capaz de proporcionar. Imagine se cada um de nós for capaz de realizar a felicidade da mulher que ama, quantas mulheres serão felizes, por extensão. Assim, se a cada dia, cada um de nós fizer a mulher amada feliz, estaremos contribuindo para que todos os dias sejam delas e o dia internacional das mulheres será apenas um dia de comemoração da felicidade vivida o ano inteiro. Ajude a transformar este dia no dia de comemoração da felicidade. E, não esqueça, envie-nos alguma dica para fazer uma mulher feliz.

Obrigado por comentar.
Postar um comentário